top of page
Buscar
  • Ana Paula Patussi

Comprar pronto ou construir?


Como já falei num post anterior, morar em uma cidade calma tem uma enorme vantagem: a possibilidade de escolher a casa dos sonhos, sem os mesmos custos de morar numa metrópole. Eu, quando me mudei pra Ivoti, optei por uma casa pronta. Eu estava num momento de transição e, sem muito tempo disponível, optei por uma casa já construída.

Photo from VisualHunt

Na época tivemos a possibilidade de realizar pequenos ajustes, entrar na casa e depois planejar reformas maiores com calma. Enfim, não quero estragar os pontos do texto.

Gostaria de começar pela construção. A grande vantagem de construir é que a casa terá a “cara dos donos”. Ou seja, a possibilidade de personalização total. Todo detalhe é pensado para customizar a casa conforme as necessidades de uso e disponibilidade financeira da família.

Quando se opta pela construção é necessário usar o arquiteto/urbanista durante o processo inteiro. Desde a determinação da localização do imóvel, considerando infraestrutura básica necessária, saneamento, fornecimento de energia, comércio local, segurança e orientação solar. Com a escolha do terreno feita, partimos para o projeto. Pensamos o tamanho da casa (metragem), a disposição dos ambientes, os acabamentos e as funcionalidades conforme o gosto pessoal e as demandas da família.

Construir também possui um argumento financeiro. Comprar o terreno, elaborar o projeto e construir a casa, certamente dará muito mais trabalho. Mas obras que transcorrem sem grandes imprevistos, podem custar até 30% menos que um imóvel comprado. E além disso, uma casa construída é sempre um investimento rentável, já que a longo prazo temos valorização desse imóvel.

Falei que obras dão trabalho, certo? Um exemplo disso é a necessidade de uma minuciosa previsão de custos de obra, por exemplo. Mas isso costuma valer a pena porque quem pretende conseguir parte do dinheiro através de crédito e financiamento, tem condições de linhas de crédito e financiamento mais atraentes para imóveis novos do que para imóveis usados. Isso acontece devido ao fato de que geralmente casas novas tem uma vida útil maior, mais compatível com prazos de financiamento.

Já comprar uma casa pronta é a opção certa para quem tem pressa em se mudar. Ao contrário de quem opta por construir, comprando um imóvel, é possível se mudar imediatamente para o local. Sem o estresse e sem os percalços de uma obra.

Photo from VisualHunt

O imóvel comprado pode precisar de algumas pequenas reformas para se adequar às necessidades da família, como aconteceu comigo, mas geralmente essas reformas demandam menos tempo que uma obra construída do zero. Neste caso, também é importante ter a orientação de um profissional, principalmente para que os ajustes sejam feitos da forma mais ágil possível e com o orçamento sob controle.

O fato de estar diante de um imóvel pronto permite que se possa avaliar todos os detalhes sem as surpresas (nem sempre positivas) de quem decide construir.

Os acabamentos são ou não são do seu agrado, a parte elétrica e hidráulica está pronta e você pode verificar se tudo funciona ou não, de acordo com as suas necessidades. Se o imóvel não atende seus requisitos, não há problemas. Procure outro!

Timing também é essencial na escolha. Por exemplo, em épocas de crise financeira, comprar um imóvel pode ser algo vantajoso por conta do mercado imobiliário em baixa. Se você tem o dinheiro na mão para pagar à vista, acaba encontrando oportunidades de ouro para negociar por preços tentadores. No entanto, quando a negociação envolve financiamento, os juros podem ser altíssimos.

Mas com certeza, aqui na região, o mercado imobiliário é bastante rico e oferece boas opções para todos os gostos, o segredo é procurar! Se tiver qualquer dúvida, só entrar em contato com nossos parceiros da Innovate.

Se tiver mais alguma dúvida pra tirar conosco sobre esse assunto, é só falar! Estamos a disposição de ajudar sempre.

Até a próxima.

Assine nossa newsletter

65 visualizações0 comentário
bottom of page