top of page
Buscar
  • Ana Paula Patussi

Por que morar em uma cidade calma?


Pra inaugurar o blog do Studio, nesse post eu vou falar um pouco sobre a escolha de morar em cidades calmas. Eu mesmo passei por essa escolha não muito tempo atrás. Ficava na correria entre Porto Alegre/Bento Gonçalves (que apesar de não ser uma grande metrópole é uma cidade bem agitada), e acabei comprando uma casa no município de Ivoti. Atualmente moro aqui e também foi onde decidi começar o Studio Alfa.

Belvedere de Ivoti. Fonte: Prefeitura de Ivoti

Nesse texto vou falar porque eu, uma arquiteta e urbanista com 19 anos de experiência, decidi morar num lugar calmo como Ivoti. Espero que essas ideias aqui façam você refletir na hora de escolher uma cidade pra morar.

Falo isso porque qualidade de vida é uma preocupação crescente na vida de famílias modernas. Atualmente, isso influencia cada vez mais políticas de planejamento e gestão de território, especialmente em relação a escala das cidades.

É importante pensar que as nossas expectativas em relação a uma cidade estão diretamente ligadas a forma como nos relacionamos com o mundo. O que pode definir o quanto trazemos das nossas experiências é o tanto que aproveitamos de cada segundo e o jeito como nos relacionamos com o tempo presente.

E é importante lembrar as pessoas que viver em uma cidade pequena não significa levar uma vida menor. Como já disse Fernando Pessoa, “para ser grande, sê inteiro”. Com isso em mente, posso contar os motivos que me fizeram escolher uma cidade pequena.

  • Primeiro: uma pequena cidade promove a experiência de viver e pertencer a uma comunidade. Muitas pessoas vão passar a vida toda sem saber o que é isso. Em grupos menores, somos muito mais próximos e interagimos com muito mais frequência. Em uma cidade grande, nos sentimos pequenos. já em uma cidade pequena nos sentimos grandes para fazer parte efetivamente da comunidade com muito menos esforço. Isso se reflete em casas com áreas sociais mais bem pensadas, que promovem mais convívio e intimidade.

  • O custo de vida é mais baixo, ou seja, uma das maiores vantagens das cidades pequenas é a financeira. Os terrenos, as casas, os aluguéis são mais baratos, também gasta-se menos gasolina já que as distâncias são menores e a grande maioria dos serviços é mais barata. Os gastos com estacionamento e segurança em muitos casos nem acontecem. Já que que a segurança não é um item de grande preocupação, isso permite que os projetos sejam voltados para o exterior e a contemplação da natureza, E como falamos, com terrenos mais baratos, os recursos disponíveis podem ser usados na construção de uma casa bem resolvida arquitetonicamente.

  • Os compromissos profissionais, tarefas familiares e eventos sociais, que em muitos casos se desenrolam ao mesmo tempo, não demandam tanta energia. Morando em uma cidade pequena, o gasto de energia que o cidadão precisa para realizar todas as tarefas é muito menor que em uma metrópole. Não é necessário considerar tanto trânsito, detalhes de segurança...

  • Com o ritmo de vida menos acelerado, sofremos menos com estresse e isso permite que as pessoas testem seus hobbies, como cultivar hortas e jardins.

Feira das Flores, também em Ivoti

Aqui na região, que é conhecida como Rota Romântica, as cidades menores tem altos índices de desenvolvimento humano, são geograficamente próximas de grandes centros, de fácil locomoção tanto de carro quanto transporte coletivo como ônibus e trem.

A minha visão sempre foi de viver numa cidade extremamente acolhedora, organizada, segura e calma.

Como alguém que fez a troca do caos urbano, pelo cenário um pouquinho mais rural, posso dizer que valeu a pena. Gosto de morar onde moro e consigo continuar com meus compromissos que exigem deslocamento.

Se você tiver alguma dúvida sobre a região, sobre qual cidade escolher, pode chamar nossos parceiros da Innovate e eles vão poder te ajudar.

Qualquer outra pergunta, só falar nos comentários.

Até a próxima.

Assine nossa newsletter

#ivoti #cidadepequena #cidadecalma #innovate #escolhacidade #escolhercidade

602 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page